Dispositivo de reflexão psicomorfônica

Guilherme Cunha

O artista Guilherme Cunha relaciona modelos de percepção, ciência e seus contatos com estruturas sociais. Em seu projeto final para a residência na Red Bull Station, a atividade cerebral dos visitantes era transformada em som e, através de antenas ao revés, projetada pelo centro da cidade.

Utilizando um dispositivo de eletroencefalograma comercial, o Bloco desenvolveu um software que captava os sinais do aparelho e os transformava em seis canais independentes de áudio, um para cada antena e associado a uma região específica do cérebro. Após diversos estudos e experimentos com o artista, parametrizamos os dados de forma que, quanto mais intensos e variáveis os sinais cerebrais, mais agudos os sons.

CRÉDITOS

Guilherme Cunha: concepção e produção
Red Bull Station: produção
Bloco: programação

Red Bull Station

2014